Mês de conscientização sobre miomas: Doença afeta 80% das mulheres brasileiras em idade fértil

De acordo com o médico especialista em ginecologia e obstetrícia, Dr. Alexandre Silva e Silva, entender a condição é fundamental para melhorar as chances de tratamento conservador nessas pacientes.

O mês de Julho é dedicado à conscientização sobre miomas uterinos para ampliar o acesso a informações confiáveis e relevantes sobre a doença com o objetivo de melhorar a qualidade de vida das pacientes que têm a condição.

De acordo com a Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia (FEBRASGO), cerca de 80% das mulheres em idade fértil apresentam a condição, sendo ela sintomática ou não.

O que é mioma uterino?

Os miomas são tumores benignos que se desenvolvem entre as células musculares lisas do útero formando nódulos. Eles podem variar em tamanho, número e localização causando sangramento menstrual aumentado levando a anemia e cansaço, dores abdominais em cólicas e aumento do volume abdominal. Podem também ser causa de infertilidade, impactando na qualidade de vida de muitas mulheres.

A causa exata do desenvolvimento dos miomas ainda não é totalmente compreendida, mas fatores genéticos, hormonais e a ação de agentes externos como algumas substâncias contidas principalmente em alimentos, desempenham um papel importante.

Apesar de não ser possível prevenir completamente os miomas, algumas medidas podem ajudar a reduzir o risco de desenvolvê-los, como manter um estilo de vida saudável, exercitar-se regularmente e evitar o uso excessivo de álcool e tabaco, evitar carne vermelha, dando preferência para verduras verde escuras, frutas e carne de peixe.

O tratamento para miomas varia de acordo com a gravidade dos sintomas, o volume uterino, a disposição e localização dos nódulos e principalmente, o desejo reprodutivo da paciente. Opções incluem medicamentos para controlar os sintomas, procedimentos minimamente invasivos e cirurgia.

Por que é importante conscientizar sobre os miomas uterinos? 

Segundo o Médico especialista em Ginecologia e Obstetrícia, Dr. Alexandre Silva e Silva, responsável pelo projeto Mioma&Você que tem como objetivo informar pacientes acerca da doença e terá seu primeiro evento realizado dia 15, a conscientização ajudará as pacientes a procurarem por atendimento especializado assim que receberem o diagnóstico de mioma.

É fundamental conscientizar as mulheres sobre os miomas uterinos, fornecendo informações confiáveis e atualizadas sobre a doença, seus sintomas, fatores de risco e opções de tratamento para que não aconteça algo muito comum que é a paciente procurar pelo especialista com a doença extremamente avançada e este não conseguir preservar o útero devido à progressão e volume de nódulos. É importante ressaltar que o quanto antes procurarem por assistência médica especializada, maiores serão as chances de preservar o órgão” Explica Dr. Alexandre.

NOTÍCIAS
MAIS LIDAS

A infertilidade é uma doença silenciosa e que a cada ano que passa vai atingindo mais pessoas…
Concentração de espermatozoides que os homens liberam durante a ejaculação caiu mais de 50% nos últimos 50…
Brasil realiza mais de 70 mil cirurgias bariátricas por ano: acompanhamento médico é essencial para garantir a…
Com a entrada em vigor da Resolução CFM Nº 2.336, ocorreram importantes mudanças nas regras relacionadas à…

CADASTRE-SE PARA RECEBER NOSSA NEWSLETTER E REVISTAS